COMUNICAÇÃO COMUNITÁRIA E RELAÇÕES DE PODER: UMA PROPOSTA TEÓRICO-METODOLÓGICA

Autores

  • Patrícia Franck Pichler Universidade Federal de Santa Maria
  • Maria Ivete Trevisan Fossá Universidade Federal de Santa Maria

Palavras-chave:

comunicação comunitária, relações de poder, discurso, empoderamento

Resumo

Resumo

Com interesse nos estudos da comunicação comunitária, este artigo propõe um modo de investigar e compreender como os poderes investidos no ambiente de projetos comunitários podem interferir em sua atuação e das pessoas neles envolvidos. Partindo da articulação teórica entre dispositivos de biopoder e práticas de biopolítica, e do enfoque no empoderamento pessoal e coletivo, propomos uma perspectiva investigativa empírica alinhada à Análise Crítica do Discurso, de Norman Fairclough, a partir da observação do caso do Viva Favela.

Palavras-chave: Comunicação Comunitária; Relações de Poder; Discurso; Empoderamento.

 

Abstract 

Interested in community communication studies, this article proposes a way to investigate and understand how the powers vested in the community projects environment can interfere with their operations and with the people engaged in their developments. Based on the theoretical articulation between bio-power provisions and bio-politics practices, and focused on the personal and collective empowerment, we propose an empirical investigative perspective aligned with Norman Fairclough’s Critical Discourse Analysis, from observation of the Viva Favela case. 

Keywords: community communication; power relations; discourse; empowerment. 

 

Resumen

Con interés en los estudios de la comunicación comunitaria, este artículo tiene como objetivo proponer una manera de investigar y entender cómo los poderes investidos en los proyectos comunitarios pueden interferir en su actuación y en la de las personas que participan de ellos. Así, a partir de la articulación teórica existente entre los dispositivos del biopoder y de las prácticas de la biopolítica, y del enfoque en el empoderamiento personal y colectivo, proponemos una perspectiva investigativa empírica alineada con el análisis crítico del discurso, de Norman Fairclough, partiendo de la observación del caso del Viva Favela.

Palabras clave: Comunicación Comunitaria; Relaciones de Poder; Discurso; Empoderamiento.

Biografia do Autor

Patrícia Franck Pichler, Universidade Federal de Santa Maria

Relações Públicas, Mestre em Comunicação Midiática pela Universidade Federal de Santa Maria. Doutoranda em comunicação também pela UFSM.

Maria Ivete Trevisan Fossá, Universidade Federal de Santa Maria

Docente da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM). Mestre em Comunicação pela UMESP e Doutora em Administração pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Downloads

Publicado

12-04-2017

Edição

Seção

Dossiê: Comunicação popular, cidadania e mudança social / Dosier: Comunicación Popular, Ciudadanía y Cambio Social