BOA VISTA IMAGINADA: MEDIAÇÃO E REPRESENTAÇÃO DA CIDADE ATRAVÉS DOS IMAGINÁRIOS URBANOS

Autores

  • Luís Müller Posca Universidade Federal de Roraima
  • Daniela Fávaro Garrossini Universidade de Brasília

Palavras-chave:

Boa Vista, Urbe, Cidade, Imaginários Urbanos, Mediação.

Resumo

Este estudo, inspirado na Metodologia de trabalho do projeto Cidades Imaginadas de Silva (2006), apresenta duas aplicações do projeto Boa Vista Imaginada com enfoque na investigação dessa cidade e em sua representação a partir de uma perspectiva cidadã. O artigo apresenta e discute dados iniciais e experimentações sobre a investigação dos imaginários urbanos de Boa Vista e tem como base o processo de mediação do espaço urbano a partir de uma prática de deambulação subsidiada pela metodologia de Artes Cívicas de Careri (2017). O processo de pesquisa e suas aplicações foram desenvolvidas em uma disciplina de graduação em Artes Visuais na UFRR.

Biografia do Autor

Luís Müller Posca, Universidade Federal de Roraima

É doutorando em Artes Visuais pela Universidade de Brasília – UNB, DF (2019), mestre em Artes pela Universidade Federal de Uberlândia – UFU, MG (2017), especialista em Arte-Educação pelo Claretiano, SP (2012) e licenciado em Artes Visuais pelo Centro Universitário Moura Lacerda – CUML, SP (2009). Atua como Professor efetivo no curso de Licenciatura em Artes Visuais da Universidade Federal de Roraima - UFRR trabalhando nas frentes de Escultura, Tridimensionalidade, Ensino de Arte e Criatividade. Como artista, atualmente tem realizado investigações na linguagem tridimensional. Possui experiência em Artes Visuais e Arte Educação. Trouxe para o ensino superior a experiência adquirida em quase dez anos de atuação no Ensino de Arte em todos os seguimentos da Educação Básica, coordenou a versão do Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência - PIBID Artes Visuais da UFRR nos anos de 2018-2019. Atualmente, desenvolve pesquisas na linha de Imagens, Visualidades e Urbanidades, especificamente sobre os imaginários urbanos nas cidades de Boa Vista-RR e Brasília-DF. Desenvolveu também trabalhos sobre o Ensino de Arte, Formação de Professores e o uso das tecnologias para a Inclusão nas Artes Visuais.

Daniela Fávaro Garrossini, Universidade de Brasília

Possui graduação em Desenho Industrial pela Universidade de Brasília (2000), mestrado em Engenharia Elétrica pela Universidade de Brasília (2003) e doutorado em Comunicação pela Universidade de Brasília (2009) e pós-doutorado no Centro de Estuidos Superiores de Comunicación para América Latina (CIESPAL). É Professora adjunta da Universidade de Brasília, do Instituto de Artes, Departamento de Design. Atualmente é professora visitante do Instituto de Altos Estudios Nacionales (IAEN) do Equador, participante de grupo de pesquisa Compolíticas da Universidad de Sevilla, Professora visitante - Universidad de Sevilla (Espanha), Pesquisadora - representante do Brasil da Rede Internacional "Tecnopolítica: Redes, Poder e Ação Coletiva", Coordenadora de Cátedra de Tecnopolítica Julian Assange e Cátedra Luiz Ramiro Beltran e Professora visitante do Centro Internacional de Estudios Superiores de Comunicación para América Latina (CIESPAL), Vocal de comunicação da União Latina de Economia Política da Informação, da Comunicação e da Cultura (ULEPICC FEDERAL). Tem experiência na área de Comunicação, com ênfase em Cidadania Digital, atuando principalmente nos seguintes temas: e-democracia, design de interfaces, tecnologias da informação e comunicação, ciberativismo, tecnopolítica, entre outros. Atua como Diretora da Revista Redes.Com (www.revista-redes.com), Coordena o laboratório vinculado na Faculdade de Tecnologia da Universidade de Brasília Núcleo de Multimídia e Internet, Coordena o Programa de Pós-Graduação em Design da Universidade de Brasília.

Downloads

Publicado

04-10-2021

Edição

Seção

Dossiê: Comunicação popular, cidadania e mudança social / Dosier: Comunicación Popular, Ciudadanía y Cambio Social