NOVAS PRÁTICAS DE LINCHAMENTO VIRTUAL: FACHADAS ERRADAS E CANCELAMENTO DE PESSOAS NA CULTURA DIGITAL

Autores

  • Fellipe Sá Brasileiro Universidade Federal da Paraíba
  • Jade Vilar de Azevedo Universidade Federal da Paraíba

Palavras-chave:

Cancelamento Digital, Linchamento Virtual, Fachadas, Redes Sociais

Resumo

Este artigo objetiva compreender as novas práticas de linchamento virtual à luz das concepções goffmanianas sobre os rituais de interação. As observações permitem situar o linchamento virtual como uma prática, dentro de uma constelação de práticas de cancelamento digital, que visa punir pessoas ou celebridades com fachadas erradas, através da retirada da atenção/ validação social no ambiente digital. Conclui-se que as fachadas erradas, materializadas no mundo virtual, evocam punições virtuais com modus operandi comuns e poderes de desestabilização da existência do ser-no-mundo.

Biografia do Autor

Fellipe Sá Brasileiro, Universidade Federal da Paraíba

Docente do Programa de Pós-Graduação em Comunicação da Universidade Federal da Paraíba. Doutor em Ciência da Informação pela Universidade Federal da Paraíba.

Jade Vilar de Azevedo, Universidade Federal da Paraíba

Mestranda no Programa de Pós-Graduação em Comunicação da Universidade Federal da Paraíba. Email: jade.vilar@hotmail.com

Downloads

Publicado

23-12-2020

Edição

Seção

Dossiê: Comunicação popular, cidadania e mudança social / Dosier: Comunicación Popular, Ciudadanía y Cambio Social