O TRABALHO DO COMUNICADOR DURANTE A PANDEMIA DA COVID-19

Autores

  • Roseli Figaro Universidade de São Paulo
  • Janaina Visibeli Barros
  • Ana Flávia Marques da Silva
  • Naiana Rodrigues
  • Jamir Kinoshita
  • João Augusto Moliani
  • Camila Acosta Camargo
  • Daniela Oliveira

Palavras-chave:

Pandemia, Covid-19, Trabalho, Comunicadores

Resumo

A pandemia da Sars-Cov-2 acelerou transformações na rotina produtiva de 557 respondentes da pesquisa on-line “Como trabalham os comunicadores na pandemia da Covid-19?”. Neste artigo, buscou-se identificar os tensionamentos do novo e compulsório cenário, as modificações nas relações de comunicação e trabalho. Os resultados mostram que a maioria dos respondentes passou a fazer home office, sentiu o aumento da jornada de trabalho, utilizou diferentes plataformas para se comunicar e contou com recursos e equipamentos próprios em meio aos temores do desemprego e contágio da doença. Essas condições aprofundam os dilemas que os trabalhadores enfrentam em todo o mundo no cenário de crise econômica e pandêmica.

Biografia do Autor

Roseli Figaro, Universidade de São Paulo

Professora livre docente na Escola de Comunciações e Artes, coordenadora do Programa de Pós-graduação em Ciências da Comunicação da Universidade de São Paulo. Coordenadora do Centro de Pesquisa em Comunicação e Trabalho da ECA-USP/CNPq. Diretora editorial da revista Comunicação & Educação.

Downloads

Publicado

03-02-2021

Edição

Seção

Dossiê: Comunicação popular, cidadania e mudança social / Dosier: Comunicación Popular, Ciudadanía y Cambio Social