O algoritmo anti-interseccional: contribuições do pensamento lésbico para análises em plataformas

Autores

  • Joana Ziller Universidade Federal de Minas Gerais
  • Dayane do Carmo Barretos Universidade Federal de Minas Gerais
  • Isabella Bettoni Universidade Federal de Minas Gerais
  • Kellen do Carmo Xavier Universidade Federal de Minas Gerais
  • Leíner Hoki Universidade Federal de Minas Gerais

Palavras-chave:

interseccionalidade; lesbianidades; algoritmo; plataformas de mídias sociais

Resumo

Ao buscar entender como as lesbianidades se fazem visíveis nas plataformas de mídias sociais, como YouTube, Instagram e TikTok, nos deparamos com a imagem predominante de corpos brancos, magros, jovens, sem deficiência, performando feminilidade. Isso porque, ao somarem preceitos de busca por anunciantes ao Efeito Mateus (baseado na ideia de que “a quem tem, mais será dado''), algoritmos acabam por atuar de maneira anti-interseccional ao conferir visibilidade a conteúdos. Neste texto, problematizamos tal questão a partir de pesquisas sobre a lesbianidade, apontando a possibilidade de ampliar o debate a outras categorias da diferença.

Biografia do Autor

Joana Ziller, Universidade Federal de Minas Gerais

Professora permanente do PPGCOM/UFMG. Coordenadora do GeL (Grupo de Estudos em Lesbianidades) e da Formação Transversal em Gênero e Sexualidade: perspectivas queer/LGBTI, ambos da UFMG.

Dayane do Carmo Barretos, Universidade Federal de Minas Gerais

Doutora em Comunicação pelo PPGCOM/UFMG, integrante do Grupo de Estudos em Lesbianidades
(GEL/UFMG).

Isabella Bettoni, Universidade Federal de Minas Gerais

Mestre em direito pela UFMG, advogada. Integrante do Grupo de Estudos em Lesbianidades (GEL).

Kellen do Carmo Xavier, Universidade Federal de Minas Gerais

Doutoranda em Comunicação pelo PPGCOM/UFMG, com pesquisa realizada com apoio da
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior – Brasil (CAPES) – código de
Financiamento 001. Integrante do Grupo de Estudos em Lesbianidades (GEL/UFMG).

Leíner Hoki, Universidade Federal de Minas Gerais

Mestre em Artes pelo PPG-Artes/UFMG, integrante do Grupo de Estudos em Lesbianidades (GEL/
UFMG) e do Estratégias da Arte em uma Era de Catástrofes (EBA/UFMG)

Downloads

Publicado

06-08-2022